Dolores e Katia Aveiro falam sobre tragédia na Madeira
Das 29 vítimas mortais, uma é portuguesa e as restantes de nacionalidade alemã.
Das 29 vítimas mortais, uma é portuguesa e as restantes de nacionalidade alemã.

Créditos do fotógrafo Direitos Reservados

Redação Por Redação 18/04/2019
    Compartilhe:

Dolores e Katia Aveiro manifestaram uma profunda tristeza pelas 29 vítimas mortais do acidente de autocarro que assolou o Caniço, na Madeira.

A mãe e a irmã do internacional português Cristiano Ronaldo utilizaram as redes sociais para deixar uma mensagem de apoio às famílias das vítimas da tragédia.
 

"Minhas orações vão para quem se foi, e para aqueles que perderam os seus (que tristeza). A minha terra está de luto", escreveu Dolores Aveiro. 

"Triste demais com esta notícia. Meu pensamento e minhas orações estão com todos", partilhou Katia Aveiro na rede social Instagram.
 
Esta quarta-feira, o autocarro onde seguiam os passageiros despenhou-se por uma ribanceira na Quinta Splendida, na Madeira. Ao que tudo indica, o autocarro perdeu os travões durante o percurso, pouco tempo depois de abandonar o hotel. 

Das 29 vítimas mortais, uma é portuguesa e as restantes de nacionalidade alemã. Há ainda 28 feridos hospitalizados no Hospital do Funchal, todos de nacionalidade alemã à exceção do condutor e guia que são portugueses. 
 

Comente com o facebook

Publicidade