Equipa do Penafiel Racing Fest vencem a classe C4 do Maroc Challenge Spring 2019
A equipa do Penafiel Racing Fest foi a vencedora da classe C4 da Spring Edition 2019 do Maroc Challenge
A equipa do Penafiel Racing Fest foi a vencedora da classe C4 da Spring Edition 2019 do Maroc Challenge

Créditos do fotógrafo Direitos Reservados

Hebert Neri Por Hebert Neri 24/04/2019
    Compartilhe:

Um penafidelense levou o nome de Portugal ao topo do podium nas areias do Marrocos. Óscar Coelho, a liderar a equipa do Penafiel Racing Fest na competição, foi o vencedor da classe C4 da Spring Edition 2019 do Maroc Challenge. Esta foi a única equipa portuguesa a vencer uma classe este ano, composta pelo piloto Óscar Coelho ao volante e por António Carvalho encarregado pela navegação.

Percurso da prova – Foto: Maroc Challenge

A Spring Edition 2019 realizou-se entre os dias 12 e 20 de abril e consiste num rally-raid realizado pelas pistas de montanha e deserto marroquino. Inspirado no antigo percurso do Rally Dakar dos anos 80/90,  a prova passa por diversas cidades em etapas desafiadoras em meio as dunas e o sol escaldante. Atualmente já vai na 16ª edição e é um dos maiores eventos amadores do mundo, cada vez mais internacional, além de ser uma prova aberta a todos.

Óscar Coelho – Foto: Reprodução

 

Óscar Coelho referiu sobre a vitória de sua equipa e os desafios da competição: “Pela segunda vez a equipa do Racing Fest participou na prova. No ano passado ficamos em 4º lugar, mas este ano preparamo-nos melhor ao nível de navegação e da viatura e conseguimos vencer 3 das 6 etapas e assim ficamos em primeiro lugar da categoria C4 que é reservada a carros 4×4 com mais de 1600cc. Toda a prova é um teste à resiliência das equipas, da resistência da viatura e da capacidade de resolver problemas mecânicos, de navegação e de abordagem de obstáculos. Estou muito contente de sairmos vitoriosos desta corrida. Fazemos cerca de 400kms por etapa dos quais cerca de 250 são em contra-relógio. As pistas variam entre pedra, terra, dunas e fesh-fesh, que é um pó característico do deserto do Sahara”. 
Trata-se de um evento de extrema dureza e dificuldade para quem tenta vencer, e é um grande desafio manter o nível de condução e concentração em todas as etapas: “na competição, o dia começa por volta das 6 h da manhã e acaba por volta das 16h, se conseguimos acabar a trilha dentro do tempo regulamentar. Depois é necessário a assistência à viatura para que possa estar nas melhores condições para a etapa seguinte. O que pode passar por uma reparação simples de um par de horas, ou pode ser algo complicado que pode durar até pela noite dentro”.

Equipa Penafiel Racing Fest no Marrocos – Foto: Reprodução

 

A prova este ano começou na cidade das Mil e uma Noites, Marrakech e desceu para Zagora, Erfoud, Mengoub e acabou em Saïdia junto ao mediterrâneo, depois de ter percorrido as antigas pistas do Dakar na entrada do deserto do Sahara junto à fronteira com a Argélia.

O piloto também referiu sobre o viés social da competição: ” Esta é uma competição reservada a jipes e carros com mais de 16 anos e com nível de preparação básico. Pretende ser uma aventura/competição com componente solidária, visto ser obrigatório os participantes levarem artigos para educação das crianças ou artigos para apoio a idosos, porque as localidades remotas onde o Raid passa são muito pobres e carentes”.
Óscar Coelho é presidente do Penafiel Racing Fest, considerado hoje o maior evento multimodal de automobilismo de Portugal, e que todos os anos realiza-se nas ruas do concelho de Penafiel a atrair milhares de pessoas para as competições, assim como corredores de vários países. Em 2019, realiza-se a 28, 29 e 30 de Junho

Comente com o facebook

Publicidade